Vamos tirar os mendigos da rua para não atrapalhar os pedestres

Comente!

O “Jornal do Brasil” de 25 de janeiro publicou a foto de uma calçada em Copacabana, no Rio de Janeiro, que mostra um mendigo dormindo e cinco pessoas caminhando. A infeliz legenda diz que o mendigo que dorme na calçada “atrapalha os pedestres”. A mentalidade é esta mesmo — os pobres incomodam os que não são pobres. Faz lembrar a tremenda parábola de Jesus sobre o comportamento do sacerdote e do levita que foram para o outro lado da rua porque havia um homem semimorto estendido na calçada. Faz lembrar também a insensibilidade da mulher a que se refere o “Diário de Ashbel G. Simonton”: coberta de peles, assentada num trenó, torcia para nevar, enquanto milhares de desempregados torciam para não nevar, já que o inverno estava muito rigoroso e o carvão para aquecer suas casas estava muito caro.


Publicado originalmente na Revista Ultimato (edição 317 – março, abril 2009)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *