Número de refugiados chega a 59,5 milhões e metade são crianças, diz relatório da ONU

Deixar um comentário

A nova edição do Relatório Tendências Globais, divulgado na última quinta-feira, 18 de junho, revela que o deslocamento global provocado por guerras, conflitos e perseguições atingiu um nível recorde e está acelerando rapidamente.

De acordo com o documento do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), o número de pessoas forçadas a deixar suas casas, ao final de 2014, é de 59,5 milhões. Um dado preocupante do relatório é que metade dos refugiados no mundo é formada por jovens e crianças de até 18 anos de idade. O crescimento de 8,3 milhões de pessoas é o maior já registrado em um único ano, desde 2013.

Em 2014, a cada dia em média de 42,5 mil pessoas se tornam refugiadas, solicitantes de refúgio ou deslocados internos. A tendência de crescimento tem sido verificada desde 2011, quando iniciou a guerra na Síria – que é considerado o maior evento individual causador de deslocamento no mundo.

O Alto Comissário da ONU para Refugiados, António Guterres, disse que o mundo está testemunhado uma mudança de paradigma, onde a escala do deslocamento global e a resposta necessária a este fenômeno é superior a tudo que já aconteceu até agora. “É aterrorizante verificar que, de um lado, há mais e mais impunidade para os conflitos que se iniciam, e, por outro, há uma absoluta inabilidade da comunidade internacional em trabalhar junto para encerrar as guerras e construir uma paz perseverante”, afirmou o Alto Comissário.

O relatório do ACNUR mostra ainda que as populações refugiadas e de deslocados internos cresceram em todas as regiões do mundo. Entre as mais recentes e visíveis consequências dos conflitos globais está o dramático crescimento de refugiados que, em busca de proteção, realizam jornadas marítimas perigosas no Mediterrâneo, no Golfo de Áden, no Mar Vermelho e no Sudeste da Ásia.

Atualmente, a Síria tem a maior população de deslocados internos (7,6 milhões) e também é o principal país de origem de refugiados (3,88 milhões, ao final de 2014) no mundo.

Acesse a versão completa do relatório Tendências Globais com informações detalhadas, dados específicos por países e estimativas da população apátrida, em www.unhcr.org/2014trends.

Not_22_06_15_ONU_refug

Com informações da ONU/BR

Foto: UNHCR / I. Prickett.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *