A missão integral da Igreja no sertão nordestino

[ 1 ] Comentário

Em nosso contexto brasileiro, nordestino, sertanejo, o evangelho é evidenciado na luta pela causa do pobre e oprimido. Falar do amor de Deus e sua salvação sem envolver-se com defesa de direitos, sustentabilidade e inclusão social é ser hipócrita. Não podemos nos satisfazer em preparar o sertanejo para morrer bem, quando é nosso dever ajudá-lo a viver bem. 

Um dos maiores movimentos para evangelização mundial aconteceu em Lausanne (1974). Desde então, o olhar missionário para América Latina foi desafiado à contextualização às necessidades dela. O evangelho não poderia mais ser apresentado como na Europa ou América do Norte, visto que a vida social, econômica e cultural da América Latina se distingue completamente desses.

Diante disso, vários movimentos e iniciativas deram continuidade à discussão a fim de reformular conceitos da prática do evangelho, dando origem ao termo “missão integral” ou evangelho integral, que se resume em: o evangelho todo, para o homem todo, para todo o homem. O termo não muda em nada o que já foi estabelecido por Deus na Bíblia Sagrada, mas ajuda a voltarmos à proposta bíblica do evangelho como ele é.

Em nosso contexto brasileiro, nordestino, sertanejo, o evangelho é evidenciado na luta pela causa do pobre e oprimido. Falar do amor de Deus e sua salvação sem envolver-se com defesa de direitos, sustentabilidade e inclusão social é ser hipócrita. Não podemos nos satisfazer em preparar o sertanejo para morrer bem, quando é nosso dever ajudá-lo a viver bem.

Não estamos falando de uma estratégia evangelística quando falamos em projetos de perfuração de poços, ou agricultura familiar, ou ajuda aos que vivem e convivem com HIV – AIDS, ou educação ou combate ao tráfico de drogas ou recuperação de dependentes químicos. Estamos falando da “Missio Dei”, de expressão do amor de Deus! A prática das boas obras da igreja não é isca de pesca para “nosso aquário”, é obrigação ardente no coração daqueles que entendem que devem o amor de Deus porque foram alcançados por ele. E só esse amor é capaz de alcançar o ser humano totalmente. Só esse amor é capaz de traduzir a salvação para o perdido. Palavras sem ação não dão aos homens e mulheres a oportunidade da revelação sobrenatural da graça de Deus!

A missão integral requer que a igreja demonstre e fale sobre a sua fé em Jesus Cristo de uma maneira indivisa em todos os aspectos da vida. A Declaração da Rede Miquéias sobre Missão Integral afirma: “Não é simplesmente que a evangelização e o compromisso social tenham que ser levados a termo juntos. Na missão integral nossa proclamação tem consequências sociais quando convocamos as pessoas ao arrependimento e ao amor pelos outros em todas as áreas da vida”.

Nosso compromisso com o desenvolvimento humano integral tem consequências para a evangelização quando damos testemunho da graça transformadora de Jesus Cristo. Se assumirmos uma postura de omissão diante do mundo, traímos a Palavra de Deus, a qual requer de nós que sirvamos ao mundo. Se assumirmos uma postura de omissão à Palavra de Deus, não temos nada que oferecer ao mundo. A justiça e a justificação pela fé, a adoração e a ação política, o espiritual e o material, a transformação pessoal e a mudança estrutural estão unidos entre si. Ser, fazer e dizer têm um papel central na vivência do evangelho.

O que norteia o conteúdo bíblico-teológico e prático do Congresso de Missão Integral do Sertão Nordestino são as definições e diretrizes baseadas nas várias discussões e movimentos históricos de missões mundiais repercutidos pela Rede Miquéias, por John Stott, René Padilla, Robinson Cavalcanti, Samuel Escobar, Aliança Bíblica Universitária do Brasil, Aliança Cristã Evangélica Brasileira, Tearfund Brasil, Fraternidade Teológica do Brasil, entre tantos outros que assumem em nosso país a prática missionária segundo o documento do Pacto de Lausanne, rediscutido em 2010 com a presença de igrejas cristãs em suas várias faces, de 195 nações e várias etnias reunidas na África do Sul, e reconfirmado para prática missionária da igreja de Cristo nos vários contextos do mundo a ser alcançado.

Comissão Organizadora do 1º. Congresso de Missão Integral do Sertão Nordestino

Serviço

Evento: 1º. Congresso de Missão Integral do Sertão Nordestino

Data: 09 a 13 de julho de 2013.

Local: Fazenda Verdes Pastos, São Mamede (PB).

Informações, aqui.

Uma resposta para A missão integral da Igreja no sertão nordestino

  1. eginoaldo disse:

    Parabéns a Ação Evangélica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *