Campanha de Solidariedade com as Igrejas dos Estados Unidos

Comente!

Estimados amigos e amigas,

Queremos compartilhar com vocês uma iniciativa que vem de vários líderes cristãos de 12 países de diversas denominações e ministérios cristãos da América Latina: Campanha de Solidariedade com as Igrejas dos Estados Unidos.

Iniciamos uma campanha de solidariedade aos cidadãos norte-americanos, especialmente os que abraçam o Cristianismo, para que continuem exigindo uma solução justa para a crise. Por isso, resolvemos enviar a eles uma carta de ânimo e apoio, assinada por todos que se comprometam interceder e apoiar moralmente nossos irmãos e irmãs.

Nesta carta, animamos os cristãos norte-americanos a “amplificar a voz de milhões de pessoas que não têm hoje parte nas grandes decisões econômicas tomadas em Washington D.C”.  Solidarizamos-nos especialmente com os esforços de muitas igrejas evangélicas em participar do movimento “Círculo de Proteção”. (www.circleofprotection.us)

Até agora a carta já foi assinada por presidentes de Concílios ou Alianças Evangélicas de países como: Peru, Equador, Honduras, Argentina, Brasil, Uruguai, assim como diretores de organizações de ajuda humanitária e ação social. Também membros de redes continentais, como o Conselho Latino-americano de Igrejas (CLAI), Fraternidade de Igrejas Evangélicas (CONELA), Associação de Igrejas Presbiterianas e Reformadas da América Latina (AIPRAL), Rede Miquéias, Rede do Caminho, Movimento Juntos pela Infância, entre outros. Pastores e líderes de igrejas nacionais como a Assembleia de Deus, Batistas, Igreja de Deus, Irmãos Livres, Pentecostais, Presbiterianos, Metodistas, Luteranos, Reformados, Episcopais, etc. Também reitores de seminários, diretores de

Sociedades Bíblicas, professores de teologia, redes de profissionais, etc.

Se você, sua igreja ou ministério querem somar-se à campanha, pedimos que autorizem que seus nomes apareçam na mesma. Indique-nos seu nome, cargo, igreja ou ministério e país. De toda forma, agradeceríamos muito sua ajuda na divulgação desta carta. Por isso, ela foi traduzida para o português e segue em anexo. Se há pessoas interessadas em assiná-la, fique à vontade para nos enviar seus dados por e-mail.

Como se sabe, recentemente o Congresso norte-americano decidiu aumentar o déficit da histórica dívida em 2 bilhões de dólares em troca de orçamentos recordes com o risco de afetar diferentes programas sociais que beneficiam os pobres não somente norte- americanos, mas também de outras nações do mundo.

Muitas bênçãos,

Ruth Alvarado Y.

Coordenadora da Rede Miquéias na América Latina

coordinatorla@redmiqueas.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *